"Eu lhes disse essas coisas para que em mim vocês tenham paz. Neste mundo vocês terão aflições; contudo, tenham ânimo! Eu venci o mundo". (João 16.33)

Lágrima

Certa vez… um fazendeiro viúvo muito rico ficou doente… e sentiu que sua morte aproximava a cada minuto. O estado de saúde do idoso realmente era preocupante. Mesmo com os milhões e milhões de reais que ele tem não poderia pagar a saúde dele…

E o homem só tinha um filho, de aproximadamente 30 anos… que ainda era solteiro, sem filhos. Quer por sinal era o tipo conhecido como "playboyzinho", ou aquele jovem que só quer saber de curtir a vida e gastar tudo as custas da família, aquele que não trabalha e nem quer trabalhar, afinal a família paga todas as suas contas. Ainda mais um pai que era riquíssimo.

E o pai disse ao filho:

– Filho amado, eu sempre quis te ensinar a administrar minhas fazendas e você nunca quis me ouvir… então, escute o que tenho a lhe dizer agora, não sei mais quanto tempo de vida eu tenho.

E o filho concordou em ouvir. E o pai continuou falando:

– Você não tem controle das coisas que faz, e vai chegar um dia que mesmo minha herança milionária você gastará tudo. E, você não sabe trabalhar, não sabe fazer nada, só sabe gastar o meu dinheiro. Minha morte se aproxima a cada dia, e não estarei aqui para pagar suas contas. Quando você gastar tudo, veja aquele celeiro ali no final do campo, lá dentro tem um andaime com uma corda pendurada a uma viga… você vai se enforcar.

E o filho responde na hora:

– Pai, a sua herança é gigantesca, é muito dinheiro, não há como gastar… e mesmo que eu gaste, não irei suicidar.

O pai retruca:

– Hoje você pensa que não vai suicidar, mas quando você estiver na miséria e sem saber trabalhar, só lhe corre o pensamento do suicídio… você é fraco! A corda, o andaime e o celeiro ficarão ali no mesmo lugar, a espera do seu dia de miséria.

E a vida que segue… o pai poucas semanas depois morre pelo estado de saúde que era bem delicado, e o filho vai viver a fortuna, afinal eram milhões e milhões, impossível de se gastar, não é!
Festas com várias prostitutas, bebidas caras, veículos importados, jatinhos, iates, viagens, presentes, joias, e foi gastando ao longo dos anos… e como o mundo é mundo, aos poucos também ele foi perdendo.

E feito profecia, o pai estava certo… o filho estava na miséria, e completamente endividado e sem saber de onde tirar dinheiro pra pagar o que havia comprado, tinha que vender mais barato os carros luxuosos para pagar um Jatinho moderno que comprou, e tudo, aos poucos, ao longo dos anos, foi desmoronando…

O filho estava pobre, sem dinheiro, sem saber trabalhar.

Ele volta a casa do pai, avista o celeiro… e vai em direção. Entrando lá, estava do jeitinho que o pai falou, a corda, o andaime. E, mesmo em lágrimas pelo total arrependimento de todas as merdas que fizera na vida, o filho não tinha mais escolhas… era se enforcar. A vida era cruel demais… o mundo era cruel demais… ninguém o entendia mais, ninguém o queria mais, amigos sumiram, mulheres ignoram… afinal, estava pobre.

Ele amarra a corda no pescoço e diz:

Pai, você estava certo… você quis me orientar a vida toda e eu sempre o rejeitei… sou fracassado… me perdoa, pai!

E pulou…

Enquanto a corda estava esticada e ele ainda nos últimos segundos conscientes do mundo… ele escuto a viga que sustentava a corda rangendo. E a viga se partiu ao meio. Quebrou em três pedaços… e o corpo do filho bateu no chão aliviando a pressão da corda.

A viga estava oca. Por isso se quebrou.

E dentro da viga estavam joias, dinheiro, ouro, prata, inscrições de outros imóveis, uma fortuna muito grande, e tinha um bilhete… ainda manchado com uma lágrima, e o bilhete dizia:

"Filho, há sempre uma segunda chance com Deus… não o desafie, e nem o insulte… viva Deus em você, não o mate. Arrependa-se desses pecados que o mundo te oferece, e preencha-se com o Deus Todo-Poderoso no seu coração!

há sempre uma segunda chance com Deus…

não o desafie, e nem o insulte…

viva Deus em você

não o mate

Arrependa-se desses pecados que o mundo te oferece

preencha-se com o Deus Todo-Poderoso no seu coração…

Eu te amo meu filho, guardei essas riquezas para te dar uma segunda chance no mundo… ainda enquanto você tem vida…
Mas Deus te ama muito mais… e Ele quer te dar uma segunda chance no mundo espiritual… ainda enquanto você tem vida…"

X————————X————————X————————X————————X————————X

Quantas vezes você já quis usar a corda no pescoço?

Quantas vezes você se perguntou porquê o mundo é tão cruel e maldoso?

Quantas vezes você acha que tem na vida para se arrepender de todos os pecados e viver um Deus Maravilhoso no seu dia-a-dia?

O recado é… não espere gastar tudo e querer suicidar para ter uma segunda chance… Deus é Maravilhoso agora!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Nuvem de etiquetas

%d bloggers like this: