"Eu lhes disse essas coisas para que em mim vocês tenham paz. Neste mundo vocês terão aflições; contudo, tenham ânimo! Eu venci o mundo". (João 16.33)

Archive for Julho, 2010

A arte do elogio – Parte 2

Dando sequência a este estudo místico sobre como agradar o mundo hostil feminino. Enfim, mais importante do que agradar a mulher amada, o homem precisa ser autêntico, precisa ser ele mesmo. Dicas vão acontecer de todos os lados, inclusive vão querer ensaiar com você sobre o que fazer ou não na hora da paquera.

Paquerar… ta aí uma filosofia de vida que os homens por natureza devem aprender, afinal, quem não paquera morre virgem… alguma coisa o rapaz tem que saber fazer para se aproximar e tentar dominar sua presa, a mulher. Mas aonde paquerar? Como paquerar? Como saber se minha paquera está funcionando ou não?

Ah, meus nobres amigos leitores, isso depende de cada mulher. Tem mulher que é mais suscetível a uma paquera em qualquer lugar, se for um cara interessante, porque não? Tem mulher que não aceita paquera de jeito nenhum, pois ela deve se interessar primeiro, para depois permitir a aproximação vagarosa do paquerador. Enfim, milhões de combinações e que neste post não caberá.

Mas aceitando o desafio da @lolinhanaves eu vou falar sobre paquera no ônibus.

Cara, pense em um ônibus lotado. Pense que “tá osso aguentar essa m@#$%”. Entra uma moça, custa a passar a roleta (catraca em alguns Estados), afinal o ônibus está bem cheio, e ela pára exatamente na sua frente. Você, está ouvindo música no iPod, as vezes até fazendo um Air Guitar, e olha para àquela beldade.

Rapaz, nem pense duas vezes, você só começa ganhando se levantar do assento e permitir que esta moça se acomoda. Segurar os pertences dela não resolve o problema dela, e achar que isso não causará boa impressão é um engano. Após essa moça se acomodar, tente puxar uma conversa… a gratidão pelo seu bom ato irá fazer com que ela corresponda ao seu chamado… fale sobre coisas normais, sobre a demora do ônibus, sobre a agressividade do motorista, sobre a faculdade de que ela está fazendo ou do trabalho que ela está retornando. NO PRIMEIRO MOMENTO, NÃO A ELOGIE! NÃO! Mas fale de coisas legais, não se VANGLORIE, não, pelo amor de Deus não! Mas fale do que você gosta, tente fazê-la sorrir com o seu próprio carisma. Mas lembre, seja autêntico. No momento da despedida, se tiver firmeza no que disser, diga assim:

“Foi um prazer conversar com você, me fez uma companhia muito agradável… se… num segundo momento você quiser bater mais um papo bom como esse, me liga… vou gostar muito”

E entrega um cartão pra ela. Não tem cartão? Faça! Custa 25 reais mil unidades… sem desculpas… rs

Então, faça da sua autenticidade e de sua simpatia uma potente arma na hora da paquera, e saiba que elogios acontecem naturalmente. Só é preciso saber dosá-los, e tentar permanecer na estreita linha entre meloso e seco.

Seja autêntico.

Anúncios

A arte do elogio – Parte 1

Convenhamos, toda mulher adora um elogio! Todas! Mas elogiar demais cansa, elogiar de menos não funciona, elogiar constantemente faz perder a força do elogia… ora, mas como elogiar? Como agradar uma singela e pura dama com suas palavras? Ah, meus amigos, tarefa a qual Adão e seus descendentes ainda tentam dominar. Mas com certeza algumas dicas são bem-vindas. E para a mulherada que vai ler esse post, comentem… rs

1 – Nunca diga que ela é linda só para ganhar um sorriso. Certamente ela irá soltar um sorriso, mas quando você perceber a hora certa de chamá-la de linda a donzela só irá sorrir. Quer chamá-la de linda? Então a elogie por sinceridade e não por um sorriso.

2 – Elogie o cabelo. Mas por favor, não elogie o cabelo quando o cabelo não merece elogios, ela vai achar que você está zombando da cara dela. Mas se o cabelo estiver bonito, ou novo corte, ou nova cor, por mais imperceptível que esteja, um elogio vai agradá-la infinitamente.

3 – Elogiar demais atrapalha, e atrapalha muito. Pelo simples motivo de não parecer sincero. E confesso que tem mulher que merece elogios a cada 3 segundos, sim existe sim. Mas fazer isso é se taxar de chato.

4 – Quando a mulher é bonita demais, seu elogio não tem efeito. Afinal, ela recebe elogios a cada esquina. Então se for para elogiar alguém assim, que faça elogios do comportamento ou do intelecto da mulher. Quanto ao físico, ela é bonita mesmo e não precisa de ninguém ficar repetindo.

5 – Elogios de brincadeira fazem você parecer mais infantil do que se pensa.

6 – Ser romântico nem sempre significa ser meloso. Romantismo é a linha que tange entre a sinceridade e a apologia ao feminismo, colocando a mulher em primeiro lugar.

7 – Jamais seja submisso em um elogio. (Ex.: “nossa, eu sem você não sou nada” – principalmente em momentos de raiva)

8 – Elogios quando fluem naturalmente, são os que mais trazem bons frutos. Então aja naturalmente, seja um cara normal, legal, atrativo, e que a mulher possa encontrar conforto no seu dia-a-dia. No meio de uma conversa ou quando estão se preparando para sair, os elogios naturalmente ocorrem. Ela com certeza vai adorar.

Enfim, o texto serve de lição inclusive para mim. Mas creio que toda mulher se sinta muito bem ao ser elogiada, quando o mesmo vem com sinceridade, respeito e admiração.

E só uma observação, não tire trechos de músicas, pelo amor de Deus, se vai agradar alguém, seja autêntico.

😉

Nuvem de etiquetas